Governo pretende vender 3,7 mil imóveis e arrecadar R$ 30 bi até 2022

Com o objetivo de reforçar os cofres público, a equipe econômica do governo federal quer arrecadar R$ 30 bilhões até 2022 com a venda de 3.751 imóveis espalhado pelo país. No entanto, o governo terá alguns desafios, como invasões, problemas com a documentação e dificuldades no licenciamento de projetos.

Para superar esses entraves, a equipe econômica tem uma estratégia, como
rodadas de eventos com investidores e oferecimento de pacotes de ativos para fundos imobiliários. Entre os imóveis a serem negociados, há terrenos,
galpões, prédios, salas comerciais e fazendas.

O governo estima levantar R$ 1 bilhão até o fim desse ano. Se a previsão for
confirmada será quase o dobro do valor recebido com alienação de bens ao
longo de toda a última década, chegando a : R$ 664 milhões, segundo o
Ministério da Economia.

Por sua vez, os imóveis mapeados são uma pequena fração dos mais de 700 mil imóveis do governo federal.

A equipe econômica ainda não divulgou quais são os imóveis que ficarão
disponíveis para venda para evitar que a informação interfira nas
negociações. O estado de São Paulo é o que mais concentra as unidades, com 887 com potencial de venda, 23% do total. Em seguida, figura o Rio de
Janeiro, com 39 propriedades.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.