Campinas terá sistema de monitoramento de resíduos da construção civil

A Secretaria de Serviços Públicos, por meio do Departamento de Limpeza
Urbana (DLU), apresentou na noite desta terça-feira, 19 de março, no Salão
Vermelho da Prefeitura, às empresas transportadoras de resíduos da
construção civil , o novo Sistema Integrado de Resíduos da Construção Civil
(SIRCC), que ficará abrigado no site da Prefeitura de Campinas.

Por meio do sistema, em desenvolvimento pelo Departamento de Limpeza Urbana (DLU) e Informática dos Municípios Associados (IMA), os geradores – quem contrata os transportadores – e a equipe do DLU poderão acompanhar, online, todas as etapas do trajeto dos resíduos, desde a coleta na caçamba até o destino final e adequado, que é a Usina Recicladora de Materiais (URM).

De acordo com a coordenadora da URM, a engenheira ambiental Tamiris
Prudente, a reunião foi muito positiva. “É de grande importância que o
gerador passe seus dados corretamente para o transportador, para emissão do Controle de Transportes de Resíduos (CTR) documento que garante que o
resíduo foi descartado corretamente na Usina Recicladora de Materiais (URM), evitando o descarte irregular no município. Essa parceria vai permitir que o gerador tenha consciência de que a responsabilidade pelo resíduo também é dele, conforme determina a legislação”, disse Tamiris.

A implantação do Sistema integra um conjunto de soluções para garantir a
destinação correta dos resíduos da construção civil. Os entulhos em locais
inapropriados trazem inúmeros males ao meio ambiente e à saúde. Daí a
importância da conscientização de todos, para colaborar, em todos os níveis, no combate ao descarte irregular.

As empresas de transportes de resíduos já estão se cadastrando no SIRCC e
serão listadas como organizações idôneas e que cumprem as regras.

Após o descarte, o gerador passará a receber, por e-mail, o documento que
comprova o descarte correto e o certificado de Obra Limpa, atualmente
fornecido de forma impressa.

Como funciona atualmente

O ciclo dos resíduos atualmente começa no momento em que uma empresa
solicita o cadastramento na Usina Recicladora de Materiais, que está
localizada na Estrada Mão Branca, no Jardim São Caetano, Km 2, Campinas.

Pessoa física ou jurídica (geradores de resíduos) contrata uma empresa para que recolha os resíduos de construção e dê a destinação correta. O
transportador coleta o material e leva até a URM. Porém, até então, o
gerador não tinha como acompanhar esse processo até a fase final e se
certificar de que foi descartado da forma adequada.

A URM processa os Resíduos da Construção Civil (RCC) para diminuir a
quantidade no aterro e reaproveita o material na manutenção de vias públicas e pequenas obras na cidade. (Prefeitura de Campinas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.