Construção Civil tem inflação de 1,89% em julho de 2021

Materiais de construção sofrem alta de 2,88%

O Sinapi (Índice Nacional da Construção Civil) registrou em julho deste ano, uma inflação de 1,89%. O índice manifestou queda em relação aos resultados de junho, que chegou a 2,46%, tendo alta apenas em comparação a julho do ano de 2020 (0,49%).

 

Segundo dados divulgados nesta terça-feira (10) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice Nacional da Construção Civil (Sinap) acumula taxas de 13,49% no ano e 22,6% em 12 meses. Desta forma, o custo da construção por metro quadrado chegou a custar em julho R$1.448,78. Outro fator que teve alta foram os materiais de construção que chegaram a aumentar 2,88% no mês e passou a custar R$ 853,00 por metro quadrado. Já a mão de obra passou por alta menos significativa, com 0,52% tendo o custo de R$595,75 por metro quadrado.

 

De acordo com o presidente da Associação Regional da Habitação de Campinas, Habicamp, Francisco de Oliveira Lima Filho, a alta da inflação é um reflexo do cenário atual. “Existe um impacto causado no setor por diversos motivos, como a alta do dólar, escassez de matérias-primas, além de um novo perfil de consumidor, que busca dentro de casa, suprir suas necessidades de cuidado e lazer”, explica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.