IPEA prevê crescimento de 1,8% no PIB brasileiro em 2022

Setor de serviços apresenta estimativa de 2,8%

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), divulgou na última quinta-feira (30), a estimativa da Visão Geral da Conjuntura, correspondente à análise trimestral da economia brasileira. Diante aos dados publicados, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro deve apresentar crescimento de 1,8% este ano e chegar em 2023 com 1,3%.

Com a alta de 1% do PIB registrada no primeiro trimestre deste ano, a maioria dos setores produtivos apresentaram desempenho positivo no mês de abril. O Instituto prevê, também, que em maio, o nível de atividade deve avançar na comparação com o mês de abril e apresentar ajuste sazonal: 1,2% na indústria, 0,6% no comércio e 0,3% nos serviços.

Além disso, os dados do IPEA mostram o destaque para o setor de serviços, com estimativa de alta de 2,8%, enquanto os setores de agropecuária e industrial devem manter relativa estabilidade.

Já, ao analisar a demanda, a projeção de crescimento do consumo das famílias ficou em 1,6% para 2022. Essa evolução nos indicadores de atividade está diretamente relacionada com o desempenho do mercado de trabalho, visto que dados recentes mostram que o ritmo de recuperação se intensificou ao longo dos últimos três meses.

Francisco de Oliveira Lima Filho, presidente da Habicamp

De acordo com Francisco de Oliveira Lima Filho, presidente da Habicamp, esses são os reflexos de uma recuperação que está apenas em seu início. “Podemos notar uma série de fatores que estão começando a mostrar resultados, como o aumento da população ocupada e, consequentemente, a diminuição da desocupação. Tudo isso resulta em reflexos positivos na economia e em outros diversos aspectos”, analisa Lima Filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.