Três tendências da construção civil para 2022

Sustentabilidade, tecnologia e estruturas pré-moldadas devem pautar o mercado

Apesar dos últimos anos terem sidos extremamente difíceis por conta dos impactos da pandemia, o ramo da construção civil conseguiu se manter ativo. Não em sua forma ideal, mas ainda assim operando. Portanto, 2022 chegou carregado de expectativas para a área, que tem um viés positivo pela frente.

Com as coisas voltando a sua forma “normal” ou então mantendo moldes da pandemia, este ano contará com exigências em investimentos m outras áreas como inovação e tecnologia.

Francisco de Oliveira Lima Filho, presidente da Habicamp

“Durante as crises, surgem as oportunidades. Por isso, é essencial se adaptar às mudanças que vieram para ficar e usar isso para gerar novas oportunidades e manter o mercado aquecido”, declara o presidente da Habicamp, Francisco de Oliveira Lima Filho.

 

1 – Tendências – PRÉ-MOLDADOS

Tempo é dinheiro. Portanto, é muito vantajoso contar com estruturas que já estão pré-fabricadas para acelerar o tempo da construção para entregar a obra. Ou seja, é um setor que deve receber muita atenção neste ano.

 

2 – TECNOLOGIA

Não importa o setor que a empresa atue, acompanhar as inovações tecnológicas é obrigação de quem quer se manter com destaque no mercado. Na construção civil não é diferente, atualmente é possível montar projetos 3D e acompanhar obras de lonas distâncias do local.

O arquiteto e o engenheiro poderão acompanhar a obra e até mesmo fazer medições com 95% de precisão mesmo sem estar fisicamente no lugar. O Building Information Modeling (BIM) é uma ferramenta que está cada vez mais popular, pois pode reproduzir até mesmo instalações hidráulicas e elétricas.

Com isso, é bom ficar atento para não perder nenhuma das várias novidades que chegarão.

 

3- SUSTENTABILIDADE
Tendências
Tendência nos projetos da Construção Civil, a preocupação com o meio ambiente é fator relevante para a comercialização do imóvel

Hoje em dia, em todos os segmentos é necessário que as empresas olhem para o lado ecológico e sustentável, até mesmo na construção. E isso não é mais apenas uma questão de manter a imagem da empresa saudável, e sim do ponto de vista econômico.

Já é possível usar sistemas e tecnologias que do reaproveitamento, energia sustentável e redução de materiais utilizados. Sendo assim, uma vantagem para o cliente, para a empresa e especialmente para a natureza e o meio-ambiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.