Inflação sobe 0,60% em julho, segundo IGP-10

Indicador da FGV acumula avanço de 9,18% no ano

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), divulgou na última segunda-feira (18), o Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10), que mede a evolução de preços no período entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.

Através dos dados divulgados, houve um aumento de 0,60% no IGP-10 em julho, percentual um pouco abaixo da alta do mês anterior, quando alcançou 0,74%. No ano, o indicador acumula avanço de 9,18% e de 10,87% em 12 meses. Enquanto que em julho do ano passado, a elevação foi bem menor, ficou em 0,18% e o acumulado de 12 meses chegou a 34,61%.

 

Outro indicador com alta em julho foi o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) aumentou 1,26%, sendo essa uma variação abaixo da registrada no mês de junho, quando ficou em 3,29%. Nos três grupos componentes do indicador, na passagem de junho para julho, o de Materiais e Equipamentos saiu de 1,66% para 0,94%, o de Serviços de 0,69% para 0,59% e o de Mão de Obra de 5,30% para 1,67%.

Francisco de Oliveira Lima Filho, presidente da Habicamp

 

Além disso, o INCC acompanha a evolução dos preços de materiais, serviços e mão-de-obra mais relevantes para a construção civil.

 

O presidente da Habicamp, Francisco de Oliveira Lima Filho, explica que a variação está dentro da normalidade e depende de fatores externos da economia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.