Santander vai lançar carência de seis meses para crédito imobiliário

Na briga por taxas e condições mais atraentes para o crédito imobiliário, o
Santander vai lançar, nas próximas semanas, uma nova condição no
financiamento de imóveis. A instituição passará a oferecer um prazo de
carência para novos contratos. Na prática, o consumidor poderá obter o
financiamento e começar a pagar as mensalidades somente seis meses após a assinatura. A modalidade pretende dar um fôlego para quem compra a casa própria e financia essa moradia pela instituição financeira.

O anúncio sobre o lançamento do financiamento com carência foi feito pelo
próprio presidente do banco, Sérgio Rial, durante um evento com representantes de construtoras e incorporadoras. Oficialmente, a instituição financeira ainda não anunciou as novas condições, o que deverá ocorrer durante a Black Friday, em novembro. Com isso, a possibilidade de o comprador ter um prazo para começar a pagar as prestações está voltando ao mercado.

Vale lembrar que o Banco do Brasil, por exemplo, já oferece carência de até
seis meses para o mutuário pagar a primeira parcela do financiamento
imobiliário, nas linhas do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e da
Carteira Hipotecária (CH). A instituição também dá ao cliente a possibilidade de pular uma parcela um mês por ano (escolhido pelo mutuário). Assim, a prestação é diluída no pagamento dos 11 meses restantes do ano.

O último movimento do Santander ocorre em meio à disputa por taxas mais
baixas de crédto imobiliário entre as instituições financeiras em que, com
estoques imobiliários ainda altos e preços em queda, as novas taxas de juros e condições facilitadas de financiamento animam o mercado como um todo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.