MBL quer reunir 50 mil assinaturas para reduzir valor do IPTU

O MBL e o IPTU Justo lançaram uma campanha para conseguir reunir 50 mil assinaturas de moradores de Campinas para pressionar a Câmara a pautar o projeto de lei que altera o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Segundo o coordenador do MBL Campinas, Paulo Gaspar, a adesão da população é importante no processo de pressão para que a matéria seja votada. “Cada pessoa pode imprimir o abaixo-assinado e pegar a assinatura do parente, do vizinho”, disse ele, acrescentando que a pessoa pode pedir informações no telefone 9 7122-0663.

O projeto de lei que diminui em 10% o valor do tributo em 2019 e 2020, congela o valor do imposto em 5 anos e reduz a alíquota do cálculo do IPTU, foi protocolada há três meses, mas como foi apresentada pela oposição – vereadores Marcelo Silva (PSD), Tenente Santini (PSD) e Nelson Hossri (Podemos) está sendo levada em “banho-maria”. Esse projeto foi apensado a do vereador Zé Carlos (PSB), que propõe redução de 10% sobre o imposto.

Em vigor desde o ano passado, a lei impôs reajuste de até 30% no valor do imposto em 2018 e prevê 10% de reajuste para este ano e mais 10% no ano que vem. Por conta disso, vem recebendo uma enxurrada de críticas. (Blog da Rose / Band)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.