Novas medidas para financiamento habitacional

outorga pelo direito de construir
Francisco de Oliveira Lima

Na última quarta-feira, dia 14 de outubro, a Caixa anunciou novas medidas para o financiamento da casa própria. Entre as mudanças estão: redução de juros, prorrogação de carência, pagamento parcial da prestação, feiras de casa própria online e empréstimo de forma digital.

Redução de juros

No novo ajuste, o banco confere redução dos juros para novos contratos. “A taxa abaixou para 6,25% ao ano. Até o fim de 2020, quem financiar um imóvel novo terá seis meses para começar a pagar as parcelas”, explica o Presidente da Habicamp, Francisco de Oliveira Lima Filho. Ou seja, a linha de crédito será indexada pela Taxa Referencial – taxa mínima com TR + 6,25%, e máxima com TR + 8,00%. “Os novos valores passam a valer na próxima quinta-feira, dia 22 de outubro, para novos financiamentos. Isso pode apresentar uma queda percentual de até 0,50”, completa.

Possibilidade de carência

“Outra alteração vale para quem já tem o empréstimo. A pessoa poderá pagar apenas uma parte da prestação mensal por até seis meses”, diz Lima Filho. Segundo o presidente da Habicamp, até o fim do ano, existe a possibilidade de carência dos novos contratos imobiliários. “Já a chama pausa no financiamento, que era a interrupção do pagamento no carnê, não será prorrogada”, finaliza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.