Projeto permite o parcelamento do ITBI em até 12 vezes em Campinas

O vereador Zé Carlos (PSB) apresentou um projeto de lei que permite o
parcelamento em até 12 vezes do ITBI, o Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis. O ITBI é um tributo municipal que deve ser pago quando ocorre uma transferência imobiliária. Dessa forma, a oficialização do processo de compra e venda só será feita após o seu acerto, sendo que, sem a confirmação de pagamento do tributo, o imóvel não pode ser transferido e a documentação não é liberada.

De acordo com o projeto, o parcelamento concedido ao contribuinte implicará no reconhecimento da procedência do crédito e na concordância com a base de cálculo adotada. O valor de cada parcela não poderá ser inferior a 50 Ufics (Unidades Fiscais de Campinas), o equivalente a R$ 176,31.

Zé Carlos justifica que algumas negociações são feitas mediante um contrato de gaveta, no qual há suscetíveis problemas jurídicos, como caso de falecimento do vendedor ou de penhora por dívidas, como a execução de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), dentre outros.

“É evidente que a possibilidade de parcelamento do ITBI contribuiria para
que os adquirentes de imóveis no município conseguissem realizar a
transferência dos seus bens imóveis, impedindo que corram os riscos oriundos do contrato de gaveta”, finaliza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.